Billecart-Salmon na taça e na imaginação

 

Billecart-Salmon-champagne

Beber champagne é um luxo reservado aos melhores momentos da vida, todo mundo sabe. Nenhuma bebida se aproxima tanto das celebrações quanto este vinho procedente da região francesa que lhe dá nome. Como luxo, não é acessível à maioria da população, mas sempre belisca o imaginário de quem sonha com sua nobreza.

Uma das marcas que mais se aproximam dessa aura tem nome sonoro: Billecart-Salmon. Foi fundada em 1818 na vila de Mareuil-sur-Aÿ, na região de Champagne, pelo casal Nicolas-François Billecart e Elisabeth Salmon e é dirigida atualmente pela sexta geração da família. Uma impressão unânime é que trata-se de uma maison com alto volume de produção sem perder a forte qualidade em suas garrafas. Seu brut réserve já chegou a ganhar da revista inglesa Decanter o título de “Melhor champagne brut do mundo”.

Billecart-Salmon-3 champagnesA marca está sendo representada agora no Brasil pela importadora Grand Cru, que apresentou três rótulos em almoço no novo restaurante do chef italiano Salvatore Loi (Rua Joaquim Antunes, 102) em São Paulo: brut réserve, rosé e vintage 2006. Deles, tudo o que se pode esperar de grandes champagnes: equilíbrio, frescor e elegância de aromas, sabores e lembranças, todos feitos em maior ou menor grau com Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier, as uvas emblemáticas da região. Preços: brut R$375; 2006 R$550 e rosé R$595.

Anúncios