A cozinha portuguesa do jeito que ela se gosta. E como nós gostamos!

Restaurante TrindadeBacalhau Gomes de Sá
Bacalhau Gomes de Sá, Restaurante Trindade (SP), foto do grande Mauro Holanda

Bela iniciativa da poderosa Herdade do Esporão, do Alentejo, que elabora alguns dos melhores vinhos portugueses: uma série no YouTube com 19 episódios em 59 vídeos, de 50 localidades do país. E com um delicioso nome: Esporão & A Comida Portuguesa A Gostar Dela Própria.

Um projeto muito interessante, à procura das raízes da gastronomia portuguesa com 16 chefs renomados contando segredos de suas principais receitas, muitas delas com ingredientes regionais e pouco conhecidos, como a muxama (atum prensado e seco) e as ovas de polvo também com o mesmo processo, típicas do Algarve.

Observação (que em nada desmerece a iniciativa): vi alguns capítulos e às vezes é bastante difícil entender as frases inteiras de alguns participantes, sobretudo por causa do ambiente fechado em que foram gravados, com ecos. As legendas são em inglês e por curiosidade resolvi clicar na versão portuguesa, “gerada automaticamente”, isto é, através de algoritmos. No primeiro vídeo que vi, o entrevistador Tiago Pereira conversa com o chef André Magalhães, da Taberna das Flores, de Lisboa. E a primeira frase de Tiago aparece legendada assim: “Comida tem uma coisa. Ainda tenho uma coisa te diria que a história dos tambores de vitórias em mendonça de um gol em dois tribunais”. Fiquei a ver naus…

Independente disso, vale muito a pena assistir os episódios generosos da Esporão, porque a comida portuguesa, ainda que vertida em algoritmos, é antes de mais nada feita de sentimentos profundos, seculares, verdadeiros.

O link do canal: www.youtube.com/channel/UC-auK24fZQ_N3zBKqCNzGnQ

Anúncios